Primavera

12:51

A foto é minha então se for usar, por favor, dê créditos
Tudo se foi, o inverno sombrio acabou. Agora só estamos eu e você, amiga primavera. Eu estou entre a mistura de algumas árvores com o asfalto e os prédios, aproveitando a brisa que veio me acalmar e quebrar o calor insuportável que me tira o sono. Próximo ao meu prédio está a minha "paixão de um minuto" passeando com o cachorro, dessa vez em um novo horário. Sorrisos retribuídos e um novo pensamento.
Reflito sobre as paixões que me encontraram, algumas que acabaram mal e outras que nem aconteceram de verdade. Também penso nas paixões que me aguardam até que eu encontre a certa. Uma pequena flor interrompe os meus pensamentos quando se prende em meu cabelo. Ah, ela tem um aroma agradável. Abro minha mão e deixo-a seguir seu caminho, exatamente o que eu tenho feito comigo mesma esses dias.
Ah, primavera, o que você guarda para mim? Sinto-me tranquila, mais leve, o perfume das flores me persegue e me traz o desejo de ser uma flor, deixar que o vento me leve. Eu tenho procurado pelo amor uma grande parte da minha vida e não posso dizer que essa busca acabou, mas que está em segundo plano. Observo o outro lado da rua rapidamente e encontro outra paixão por lá, só que essa é duradoura, acho que ainda não acabou, mas não é mais tão importante.
O perfume continua no ar, sabe, sempre invejei as flores : belas e com seu aroma que enternece até o mais frio dos corações. Mas eu parei de desejar a vida delas quando percebi que somos semelhantes, e apesar de sua vida bela, ela é curta, são arrancadas de suas raízes por fúteis desejos humanos pela beleza. Ou então, são clonadas, mas em uma falsa versão plastificada. Nós, os citadinos, aspiramos levar a beleza da flora para dentro de casa de qualquer maneira.
Esse aroma envolvente não diminui tão facilmente, mesmo quando o meu destino está cada vez mais próximo e o asfalto preenche uma grande parte do caminho, mesmo quando as árvores estão mutiladas e as flores despedaçadas e pisadas no chão. Frutas, flores, árvores, até cogumelos possuem uma beleza que nós não podemos guardar em nossas casas, bolsas e outros inventários. Então, obrigada, senhora primavera, após adentrar meu prédio eu percebi que você, com todo carinho, guardou o doce aroma floral para mim.


You Might Also Like

6 comentários

  1. Lindo texto, obrigada por compartilhar :)

    Beijocas

    www.vidabonita.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Brigada amore <3 Espero que você goste dos próximos!

      Beijinhos com chá

      Excluir
  2. Miazinha,sei que você está cansada de ouvir isso de mim, mas tenho que dizer, adoro e sempre adorei tudo que você escreve, você passa sentimentos, e isso é coisa pouquíssimos conseguem. Espero que nessa primavera não desabrochem somente as flores, mas também os amores perdidos nas outras estações..... ahahaha, ok, parei. Adoro-te.
    Thaty

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Thatynha, Thatinha, Thatyzinha ou sei lá quantos apelidos eu posso inventar <3 Eu sempre me emociono com seus comentários, principalmente porque a volta à blogosfera é bem difícil :P Espero que você volte logo e estarei aqui para apoiar!

      Beijinhos com chá

      Excluir
  3. Ahh, mds, q lindo!!, fazia um tempão q eu n entrava no seu blog, senti falta dos seus textos, q são tãããõ pfts.... <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ownt amor, senti sua falta aqui <3

      Excluir

Tecnologia do Blogger.

Popular Posts

Like me

Subscribe